Proprietário do Bar do Omar receberá Medalha Tiradentes

O Bar do Omar é famoso pela vista, pelas animadas rodas de samba, mas ficou mesmo conhecido nos últimos tempos por ser reduto da esquerda carioca. E nesta quinta (15) receberá a Medalha Tiradentes na Assembleia legislativa do Estado do Rio de Janeiro, oferecida pelo presidente da Alerj, deputado André Ceciliano,

O bar ganhou as páginas da política carioca em vários momentos, mas muito em especial quando em 2019 lançou no bar uma nota fiscal com a frase “Um bar pode ter uma opinião política; um juiz, não. Moro lesa-pátria” — a nota viralizou e despertou muitas mensagens de apoio, de um lado, e insultos e “cancelamentos”.

Um bar pode ter uma opinião política

Logo ao entrar na casa de Omar Monteiro, você já dá de cara com o rosto de Lula estilizado pela arte da grafiteira Rafa Mon. Pela convicção militante, Omar pai e filho – que tocam o estabelecimento – receberam uma carta de Lula ainda enquanto ele estava preso em Curitiba. Omar Jr. também foi um dos convidados do casamento de Lula e Janja, em maio deste ano e a socióloga foi conhecer o bar em março. Ponto de encontro de militantes, no dia das eleições, 30 de outubro, teve uma memorável festa que foi quase até o sol raiar.

Serviço:

Sessão Solene de entrega da Medalha Tiradentes e do respectivo diploma Omar Monteiro proprietário do Bar do Omar.

Local: Assembleia legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj)

dia 15 de dezembro | quinta-feira  | 19 horas, no plenário da Alerj.

 

O Bar do Omar fica na R. Sara 114 – Santo Cristo, Rio de Janeiro.

Portal C3 | Portal C3 Oficial | Comunicação de interesse público | ComCausa

Adriano Dias

Jornalista militante e fundador da #ComCausa