ComCausa no Circuito ECA na OAB de Nova Iguaçu

No último dia 20 de julho, a ComCausa e 1ª Subseção da OAB – Nova Iguaçu e Mesquita – promoveram um encontro do Circuito Eca para debater sobre os direitos referentes ao Estatuto da Criança e do Adolescente

Na atividade participaram presencialmente o Doutores Hilário Franklin e Antônio de Padua Won-Held, presidente e vice da Ordem dos Advogados (OAB) de Nova Iguaçu de Nova Iguaçu e Mesquita; Dr. Vinicius Carreiro Honorato da Comissão de mediação, entre outros. A mesa foi composta pela Dra. Elisa Azevedo, presidente da Comissão da Criança e do Adolescente, pelo Padre Renato Chiera da Casa do Menor São Miguel Arcanjo e o jornalista Adriano Dias da ComCausa. Virtualmente participaram as doutoras Maíra Amaral de Andrade e Patrícia C Silva.

No encontro, além das colocações técnicas das doutoras Maíra Amaral de Andrade e Patrícia C Silva, o Padre Renato transcorre desde os movimentos no processo de redemocratização até a publicação do Estatuto da Criança e Adolescente em 1990. Destacando os ataques e tentativas de criminalização da lei: “O ECA, nesses anos todos, o que ele deveria representar, quando ele foi pensado, por que teve tantas resistências? E o que devemos fazer para que o ECA entre na cultura do nosso povo? Se fala de avanços, se fala de percalços, se fala de desafios, eu, a primeira coisa que eu diria era que o ECA não é conhecido por não sequer ajudar ao pobre a conhecê-lo”, indaga Padre Renato.

A atividade reflexiva do sobre o ECA é realizado há vários anos pela ComCausa, nesta atividade da OAB Adriano Dias fez uma menção ao Defensor Público Dr. Antônio Carlos, falecido vítima da COVID-19 há poucas semanas: “Ele sempre esteve presente nos encontros que participamos, em qualquer lugar que fosse, ele estava com os movimentos”, diz Adriano Dias.

Portal C3 | Comunicação de interesse público | ComCausa

Emanoelle Cavalcanti

Jornalista social e acadêmica de psicologia.