Eventos em Nilópolis terão intérprete de Libras

A Lei 6.705/22 torna obrigatório a presença de um intéprete da Lingua Brasileira de Sinais (Libras) em eventos no município de Nilópolis.

O texto prevê que o profissional intéprete de libras atue de forma simultânea na tradução e interpretação. E que haja um espaço reservado em todos os eventos para portadores de deficiência auditiva, para que possam acompanhar a tradução.

Também informa que a quantidade de intérpretes deverá ser ajustado conforme o tempo de duração de cada evento.

Portal C3 | Portal C3 Oficial | Comunicação de interesse público | ComCausa

Débora Barroso

Estudante de ciências sociais e colaboradora da ComCausa.