ComCausa entrevista Dom Luciano Bergamin

A ComCausa entrevistou nesta quarta-feira (07) Dom Luciano Bergamin, bispo emérito da diocese de Nova Iguaçu na Baixada Fluminense em decorrência da Jornada de Direitos Humanos.

Na entrevista realizada na sua casa em Mesquita, onde vive junto dos demais padres da sua congregação, dom Luciano conta sobre a acolhida da Baixada Fluminense com ele, “O que eu procurei fazer foi entrar no trem da vida da diocese e da Baixada no último vagão… O que mais admirei aqui foi a bondade do povo” afirma o bispo.

Lembrou também do episodio brutal conhecido como chacina da Baixada, em que recebe um telefonema do então prefeito da cidade Lindberg Farias, falando que as ruas de Nova Iguaçu estavam banhadas de sangue, e os dois foram junto de Padre Bruno, ao encontro das famílias.

“Veio o prefeito daquele tempo, – Lindberg – chorando dizendo que as ruas de Nova Iguaçu e de Queimados tinham ficado um rio de sangue, e me disse ‘o que vamos fazer?’, eu liguei para padre Bruno e fomos para rua Gama… Sentimos o sofrimento daquelas mães, dos familiares, e depois entramos na Dutra também, e depois Queimados. E aí, é uma diocese, o povo todo, toda a sociedade sentiu como uma punhalada, ferida realmente.” Disse dom Luciano afirmando ser a sua bandeira na diocese, a defesa da vida e a dignidade humana.

Dom Luciano termina na sua mensagem final evocando a luta contra a fome, tema da Campanha da Fraternidade de 2023 assumido pela Igreja Católica e convidando toda a sociedade a refletir como superar a fome no Brasil.

Portal C3 | Portal C3 Oficial | Comunicação de interesse público | ComCausa

João Oscar

João Oscar é militante de direitos humanos da Baixada e jornalista comunitário.