“Paulo Freire O Andarilho da Utopia” em cartaz na Baixada

A peça é inspirada na trajetória de Paulo Freire, o patrono da educação brasileira. 

O enredo se passa em Pernambuco, Estado brasileiro onde nasceu o educador e filósofo.  

No espetáculo “Paulo Freire, o andarilho da utopia”, que foi indicado ao prêmio Shell de 2019 na categoria Inovação, o educador passa por diversos personagens, como uma criança, um astronauta, um professor, mostrando ao público sobre sonhos e esperança.  

Conhecido pelo seu método de alfabetização de adultos, se tornou o patrono da educação brasileira. Seu método, que leva seu próprio nome, consiste em ensinar a partir do que o aluno já está habituado, na sua experiência e vivência em sociedade.  

Em 1963, utilizando seu método de ensino, um grupo de professores, sob sua liderança, ensinou 300 adultos a ler e escrever em menos de 40 horas, na cidade de Angicos, localizada no Rio Grande do Norte.  

No espetáculo “Paulo Freire, o andarilho da utopia”, que foi indicado ao prêmio Shell de 2019 na categoria Inovação, o educador passa por diversos personagens, como uma criança, um astronauta, um professor, mostrando ao público sobre sonhos e esperança.  

Protagonizado por: Richard Riguetti 

Assinados por: Luiz Antônio Rocha 

Dramaturgia: Junio Santos 

Data das apresentações: 

│01/11 – terça-feira – em Nova Iguaçu
Local: Biblioteca Comunitária Paulo Freire
Endereço: Rua Rinaldo Joaquim dos Reis, 129 – Rancho Fundo
Horário: 15h.

│08/11 – terça-feira – em Duque de Caxias
Local: Auditório da Faculdade de Educação da Baixada Fluminense (FEBF/UERJ)
Endereço: Rua General Rebelo SN. Vila São Luis. Duque de Caxias – RJ
Horários: 10h30 e 19h.

Todas as apresentações são gratuitas e contarão com intérprete de libras. 

Portal C3 | Portal C3 Oficial | Comunicação de interesse público | ComCausa

Débora Barroso

Estudante de ciências sociais e colaboradora da ComCausa.